|
|
|
ArcelorMittal Wahine Bodyboard Pro 2022 – Dia 3 – DESTAQUES

ArcelorMittal Wahine Bodyboard Pro 2022 – Dia 3 – DESTAQUES

Compartilhar isso...

Muita emoção e um bodyboarding real mostrado nas águas da Praia de Jacaraípe no dia 3 do ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro. Os dois primeiros 10 do campeonato mundial exclusivo feminino foram premiados. As semifinais de todas as categorias já estão formadas e neste sábado os campeões do evento serão conhecidos.

Os brasileiros continuam dominando as águas do litoral do Espírito Santo e serão maioria na decisão. Líder do ranking mundial, a tetracampeã do circuito, Isabela Sousa garantiu uma nas semifinais e disputará uma das vagas para a final da categoria Profissional com a pentacampeã mundial e anfitriã do evento, Neymara Carvalho. A outra semi terá o confronto entre a japonesa Sari Ohara, terceira no ranking e campeã mundial em 2019, e a brasileira Maira Viana.

"Eu estou tão feliz. É muito difícil competir e estar nos bastidores, mas é uma grande sensação. Recebo muitas mensagens de garotas de todo o mundo, e elas sempre me dizem que adorariam estar aqui. Não consigo expressar em palavras a gratidão que sinto por tanto carinho. Agradeço muito a Deus por tudo que o esporte me deu. Estou feliz por ter chegado às semifinais, mas quero mais”, disse Neymara após a vitória nas quartas de final.

Notas 10 no Master Feminino

Após as disputas na categoria Pro, as baterias Master tomaram conta das águas da Praia de Jacaraípe. A sexta-feira (24) foi repleta de grandes apresentações no mar. Logo no início, Isabela Nogueira mostrou todo seu talento e bateu novos recordes na competição. O carioca abriu a rodada 4 calor com um 9,25 e depois conseguiu a primeira unanimidade 10 do evento. Com 19,25 pontos, Isabela obteve a maior pontuação do campeonato até agora.

Porém, nas quartas de final, Isabela perdeu para a portuguesa Catarina Sousa, que nas semifinais enfrentará a irmã de Isabela, Mariana Nogueira. A outra semi será composta por Francis Aoto e Joselane Amorim. Aliás, foi na última bateria das quartas de final que saiu o segundo 10 do campeonato. Joselane encontrou uma das melhores ondas do dia e surfou muito para conseguir a pontuação máxima.

“Estou super animado para as semifinais. Consegui pegar uma boa onda, que abriu bem. Agora é descansar para a final, me concentrar bastante e fazer o que amo. Fiquei muito emocionada”, disse Joselane.

Pro Junior

Sábado também será uma decisão na categoria Pro Junior. Líder do ranking, Luna Hardman, do Espírito Santo, quer ampliar a vantagem e na semifinal enfrentará a compatriota Bianca Simões. Na outra disputa, a paranaense Isabelli Nunes enfrenta Gabriela Penha, em mais um duelo brasileiro.

Bateria PcD promove inclusão

ArcelorMittal Wahine Bodyboarding fará história mais uma vez. Não bastasse ser uma etapa do campeonato mundial exclusivamente para mulheres, pela primeira vez uma competição mundial de bodyboard terá uma bateria dedicada apenas a atletas PDC (Pessoas com Deficiência).

Serão quatro atletas nesta condição, incluindo Érica Rodrigues, 28, capixaba, que não tem o antebraço esquerdo e vai competir pela primeira vez. Nesta bateria também disputarão as atletas Cintya Belly (PE), Tiana Dantas (PB) e Mariana Gesteira (ES), que é nadadora da Seleção Brasileira Paralímpica e chegou a fechar com chave de ouro a campanha do Mundial de Natação. Paralímpica, realizada no último fim de semana, em Portugal.

Resultados

MULHERES – 6 REDONDA

  • 1.a – Maira Viana (BRA) 12,50 x Juliana Dourado (BRA) 11,40 x Luna Hardman (BRA) 10,75
  • 2.a – Sari Ohara (JAP) 15,25 x Teresa Padrela (POR) 10,25 x Dalete Mousinho (BRA) 9,40
  • 3.a – Isabela Sousa (BRA) 14,00 x Joselane Amorim (BRA) 12,75 x Paloma Freyggang (CHI) 6,90
  • 4.a – Neymara Carvalho (BRA) 12,05 x Soraia Rocha (BRA) 11,75 x Madalena Padrela (POR) 9,25

QUARTAS DE FINAL FEMININA

  • 1.a – Maira Viana (BRA) 13,35 x 10,25 Teresa Padrela (POR)
  • 2.a – Sari Ohara (JAP) 12,60 x 11,25 Juliana Dourado (BRA)
  • 3.a – Isabela Sousa (BRA) 12,75 x 12,60 Soraia Rocha (BRA)
  • 4.a – Neymara Carvalho (BRA) 13,75 x 13,00 Joselane Amorim (BRA)

MASTERS FEMININOS – 4 REDONDA

  • 1.a – Isabela Nogueira (BRA) 19,25 x Claudia Castello (BRA) 9,90 x Dadá Oliveira (BRA) 7,90 x Cris Fontoura (BRA) 7,90
  • 2.a – Mariana Nogueira (BRA) 14,50 x Catarina Sousa (POR) 10,50 x Méia Cleto (BRA) 10,25 x Paloma Freyggang (CHI) 9,40
  • 3.a – Roberta Milazzo (BRA) 14,25 x Maylla Venturin (BRA) 11,75 x Soraia Rocha (BRA) 11,15 x Ursula Rollas (CHI) 9,25
  • 4.a – Joselane Amorim (BRA) 14,50 x Francis Aoto (BRA) 12,75 x Clarissa Barros (BRA) 10,10 x Aline Rodrigues (BRA) 9,75

QUARTAS DE FINAIS DO MASTER FEMININO

  • 1.a – Catarina Sousa (POR) 12,50 x 9,65 Isabela Nogueira (BRA)
  • 2.a – Mariana Nogueira (BRA) 14,50 x 13,00 Claudia Castello (BRA)
  • 3.a – Francis Aoto (BRA) 13,75 x 12,40 Roberta Milazzo (BRA)
  • 4.a – Joselane Amorim (BRA) 16,00 x 12,25 Maylla Venturin (BRA)

JUNIOR WOMEN – 2 REDONDA

  • 1.a – Gabriela Penha (BRA) 13,75 x Bianca Simões (BRA) 9,25 x Pietra Bragatto (BRA) 4,60 x Julia Wemersback (BRA) 3,75

Vídeo de destaques

Compartilhar isso...

NOTÍCIAS RECENTES